Estados unidos expulsa diplomata número 2 da Rússia na embaixada em Washington

By on 24 de Febrero de 2022 0 123 Views

Os Estados Unidos da América expulsaram o vice-chefe da missão diplomática da Rússia em Washington em retaliação à expulsão russa do segundo diplomata norte-americano em Moscovo este mês, informou hoje um alto funcionário do Departamento de Estado.
A expulsão não está relacionada com a invasão da Ucrânia por parte da Rússia e faz parte de uma longa disputa entre Washington e Moscovo sobre o pessoal diplomático. No entanto, as tensões entre as duas capitais atingiram um pico pós-Guerra Fria após a situação da Ucrânia.
O funcionário disse que o Departamento de Estado informou a Embaixada da Rússia na quarta-feira de que expulsou o ministro conselheiro Sergey Trepelkov, que ocupa atualmente a segunda posição na missão do embaixador Anatoly Antonov. A Rússia expulsou de Moscovo o vice-chefe da missão dos EUA, Bart Gorman, em meados deste mês.
O funcionário, que não está autorizado a discutir a expulsão antes de um anúncio formal e que falou sob condição de anonimato, afirmou que a medida foi tomada “como uma resposta direta à expulsão russa não provocada de vice-chefe de missão” norte-americana.
Apesar dos conflitos nas relações devido à situação atual na Ucrânia, o funcionário disse que os EUA ainda acreditam que é importante manter contatos diplomáticos “para facilitar a comunicação entre os governos”. Mas, a fonte acrescentou que ações como a expulsão de Gorman não ficariam “sem resposta”.
Além das tensões sobre a Ucrânia, os Estados Unidos e a Rússia travam uma batalha direta sobre pessoal diplomático em ambos os países desde o início de 2017, quando o Governo de Barack Obama ordenou o encerramento de várias missões diplomáticas russas nos Estados Unidos e expulsou vários diplomatas russos devido à interferência de Moscovo nas eleições presidenciais de 2016. A Rússia respondeu com medidas recíprocas e a situação tem-se agravado desde então.

Deixe uma resposta

A %d blogueros les gusta esto: