Huawei descarta gerenciamento de riscos de segurança cibernética com governo chinês

By on 21 de Julio de 2019 0 90 Views

Um alto executivo da gigante de tecnologia chinesa Huawei disse nesta quinta-feira que a empresa não possui nenhum mecanismo de diminuição ou gerenciamento de riscos de segurança cibernética em cooperação com o governo chinês.
A empresa tem acordos apenas com governos da Grã-Bretanha, Canadá e Alemanha, disse Catherine Chen, membro do conselho da Huawei e vice-presidente sênior, à imprensa em Bruxelas.
Tanto na Grã-Bretanha quanto no Canadá, os mecanismos são liderados pelo respectivo governo, disse Chen, acrescentando que “as verificações são feitas com terceiros” no Canadá.
Chen observou que um Centro de Avaliação de Segurança Cibernética da Huawei (HCSEC) foi criado pela empresa na Grã-Bretanha em novembro de 2010.
Por cerca de oito anos, o centro vem fornecendo avaliação de segurança para uma série de produtos Huawei usados no mercado de telecomunicações britânico.
Para garantir a independência dos juízes da HCSEC, o governo britânico estabeleceu o Conselho de Supervisão da HCSEC no início de 2014, que publicou cinco relatórios anuais detalhados examinando a Huawei.
O Centro Nacional de Segurança Cibernética da Grã-Bretanha, parte do mecanismo britânico de inteligência, representa o governo ao lidar com a HCSEC e com a Huawei em geral em questões de segurança técnica, segundo o último relatório do conselho de supervisão publicado em março.
Chen disse que o modelo de gerenciamento de risco de segurança cibernética na Alemanha é diferente dos já mencionados.
“Temos um centro de testes estabelecido na Alemanha”, disse ela, acrescentando que, enquanto os mecanismos no Canadá e na Grã-Bretanha se concentram apenas na Huawei, “a Alemanha quer aplicar padrões uniformes ou unificados a todos os fornecedores, todos os jogadores”.

Deixe uma resposta

%d bloggers like this: